Voce que vive!

youtube.com/watch

Estamos prestes a completar o marco de 1 ano de vida sob o risco de morte pelo Covid.

Nesse meio tempo o mundo parou, todos no modo sobrevivência deram um CTRL + ALT + DEL nas relações profissionais e pessoais.

Quem não pode, trabalhou.

E quem em casa ficou viveu dias mistos de resident evil com walking dead.

Não temos motivos para comemorar, ainda que a vacina esteja batendo a porta do país da propaganda, sabemos que para chegar até nós vai demorar.

Estamos na última fileira da classe turística da cadeira de avião adaptada a Arca de Noe.

Nela ao invés de cultivar a relação com o próximo e nos voltar ao próximo, em reconhecimento, homenagem ou até mesmo respeito a quem ficou, muitos se mantém em vida e relação artificial.

Esse tempo ja foi.

Proxima onda não será de Covid.

Se engana quem acha que esse virus ou sua variante são os violões da humanidade.

A próxima onda é o derretimento do que se tem por valor da moeda. Esta acontecendo agora mesmo.

Só que isso será objeto de uma nova reflexão, próximo capitulo.

Bom domingo!