Do virus ao voto

www.youtube.com/watch

Temos a guerra do coronavirus, a das mídias sociais como falsas propagadoras de notícias, meio de vida e balizadoras sociais, e por cima disso tem uma eleição.

Nossa, que difícil.

Alguns comportamentos se repetem. Muitos insistem em pedir sem entender, buscar entender, ou ao menos tentar explicar para o que vamos votar.

E essas campanhas fakes torram o saco.

Pronto, falei.

Tcha tchan!

Ideal seria poder dormir todos os dias sem o peso das decisões e questões que todos nós acumulamos ao longo da vida

A vida me ensinou e aprendi, da mesma forma que o bom é inimigo do ótimo, devo viver o hoje primeiro para depois pensar no amanhã.

E quando o sono não vem, quando a preocupação nos impede de dormir e se alia a ansiedade, entra o stilnox para dizer quem manda.

Só não devo tomar, é claro, depois do filme do Jackie Chan…. e se você não entendeu, confira abaixo

A emoção foi tão grande que não consegui fazer (pela primeira vez denovo) de uma vez só. Como é bom essa tal de primeira vez!

Dilema da rede social ou existencial

www.youtube.com/watch

Assisti esse filme, sugerido por muitos, e comentado por poucos. Porque sera? Estamos tão fundo nesse matriz que não podemos, ou faltam palavras, para comentar?

Qual a novidade ou alarde que esse filme faz?

Não vivi, e nunca me pautei, por quaisquer uma dessas mídias na vida. Nem consciente ou inconsciente. Não li, e não leio, notícia por elas.

Pensando bem, sempre achei engraçado como o google nunca acerta o que busco. Saudades tenho do antigo AltaVista que era rápido, simples, e eficiente. Também a rede daquela época era outra.

Ta bom, estou ficando velho de experiências ao passo que me mantenho jovem em espírito, e isso é o que interessa.

Bom sábado a todos!

PS.. quanto ao filme, é uma especie de o segredo, com uma pitada de matriz e história sem fim. Assistam e tirem as suas conclusões.

Segredos de Liquidificador parte2

www.youtube.com/watch

O estudo do direito e consequente exercício da advocacia me ensinou a viver situações das mais variadas possíveis.

Atender cliente é uma arte, requer talento, paciência, tato, e compreensão de cenário. De piaget a pinochet tem de tudo.

Na vida privada ando bastante recluso, não é de hoje, tanto um quanto avesso as mídias artificiais.

Do computador ao liquidificador, ja notou quantos equipamentos jogamos dinheiro fora pensando que estão aqui para facilitar, e que de nada facilitam.

Sigo a saga do conserto do liquidificador KitchenAid. Para quem não conhece deveria representar o melhor na categoria.

Infelizmente não é. Para quem usa como eu, existem modelos mais simples que dão menos problema.

Resolvido o problema da placa, temos agora outro na peça de acoplamento da jarra que comprei e instalei ao longo desse vídeo.

Confira!

Resumão

www.youtube.com/watch

Tenho me recuperado de forma lenta, porem persistente. Chato são as dores. Não passam. Retomei os movimentos do pescoço, quando entendi que tudo iria passar, porém as dores aí estão.

Alguns paliativos permitiram tirar o colar cervical e interagir como se a máscara fosse o único obstáculo para a antiga normalidade assim por dizer.

Porem nem tudo esta resolvido. Veio em bom tempo a melhora da condição porque o trabalho aumentou.

E consegui essa madrugada relaxar a ponto de escrever e falar num resumão o assunto que na hora chegou.

Sim acho que estou ficando surdo afinal de contas no vídeo surgiu um ruído que ouvi, ou seja, deus mostrando que nem tudo é perfeito.

Depois verei as causas disso.

Abraço

Eu

Carro Alegórico

O que fazemos quando pegamos um carro emprestado e no caminho de casa aparecem tantos erros?!

Eu não perco tempo e coloco logo a mão na massa!

Peça velha vazando e a nova antes de instalar

O que aconteceu com meus pais não é novidade. Sabe aquele mecânico de confiança super em conta que te quebra o galho e cuida do seu carro muito bem?

Essa história é bem conhecida.

Não há lanche de graça, pode ate ter desconto porem o barato quase sempre custa caro quando o problema é no motor.

Ela bem se queixava que o oleo sumia, estava sempre completando… agora não vai precisar mais pois não vai mais sair pela descarga, o óleo agora vai ficar onde deve e a válvula separadora de óleo esta devidamente substituída .

Porém, existe uma lâmpada que corresponde a direção que é elétrica, nesse caso, não tem solução senão levar no concessionário e torcer para que seja algo simples ja que a lâmpada é amarela e não vermelha.

Para esse caso, e todos os outros, temos a Abolição.

Felizmente!

Se gosta, cuida.

www.youtube.com/watch

Não a toa disse a Dilma que por trás de uma criança existe um cachorro. Somos pais de nossos filhos, crianças sapiens ou cachorros sapiens.

Semana passada a Nina foi operada do joelho. Descobrimos da pior forma possível que ela tinha uma doença crônica que estava impedido de andar.

Exames realizados, cirurgia marcada, coração na mão, vamos lá.

Foi quando me dei conta, denovo, que o amor não é so meu para ela, e sim de todos com ela também.

Acho que a foto do Nino explica tudo. 7 anos de convivência depois, ele e todos os outros não latiram por 24 hs e aguardaram na porta seu retorno.

Nunca pensei que poderia dormir sem a Nina em casa. Foi um imenso vazio. Enorme preocupação. Difícil dormir.

Felizmente ela esta se recuperando. E tudo já já voltará ao normal.

Dia do advogado (resolvedor de problema)

www.youtube.com/watch

Parece ontem que, ainda no colegial, na véspera de uma prova, olhei para minha mãe e disse estava frustrado.

Não conseguia entender a matéria, nem o que era esperado de mim.

Convicto de que iria perder, cogitei não ir a escola para estudar e tentar a sorte numa segunda chamada.

Quando então minha mãe passou um bilhete escrito em inglês algo do tipo “é melhor perder tentando acertar do que fugir e desistir sem mesmo tentar”.

Isso aos 13 anos foi ótimo, porque diminuiu a culpa que senti por não ter estudado antes ou por não entender quando de fato me prontifiquei a estudar.

Foi quando nesse momento consegui estabelecer metas menores para objetivos maiores. Será que passo nessa prova? E na próxima? Consigo decidir o que vou fazer no vestibular? Qual profissão vou seguir?! E por ai vai.

Estudei direito por convicção. Advogo por paixão. Da escola do contencioso, ao consultivo, a advocacia de massa, a solução dos problemas.

O campo de atuação é vasto. Ao longo da profissão vejo cada vez mais que a qualidade do trabalho antes quantitativo mudou para o estilo qualitativo.

A experiência mostra que preciso cada vez mais de tempo para resolver questões hoje pequenas, e que recém formado pareciam enormes.

Então a mutação de advocacia para resolvedor de problema é natural na medida em que acabo delegando a equipe problemas/situações de direito, participando na estratégia enquanto pessoalmente medio problemas e situações por vezes não vistos no processo.

Talvez seja essa a principal atividade do advogado, resolver problema.

E disso eu me aproprio, essa é a profissão que escolhi, no meu tempo, opino e resolvo.

Daí porque me formei e sou advogado.

Bom domingo!

Conserto a casa e ocupo a mente

www.youtube.com/watch

Depois de uma dor insuportável passei um tempo consertando o DVR que acionou o alarme as 2 da manhã tendo em vista o defeito no HD que pifou.

Resumo da ópera, tudo na mais perfeita bagunça. Então passei o dia organizando a casa para ocupar a mente e procurar aliviar a dor que tenho sentido no dia-dia.

Lamento ter que repetir isso, gostaria muito de escrever dizendo que é a somatização de problemas, porém não é. De outro lado me sinto vitorioso em suportar isso e ainda assim me dedicar a casa/trabalho ainda que por conta da limitação em dose homeopática.

Fato e que o cenário pos covid indica que muito do que preciso para consertar e manter a casa não acho em lojas.

Os produtos de informática com alto valor agregado ou que sejam específicos so via mercadolivre ou sites especializados.

No centro do Rio que aliás anda bem vazio e deprimido, tudo sumiu.

Sinal dos tempos ou de fato estou mais velho…

Do amor a dor, feliz dia dos pais.

www.youtube.com/watch

Hoje comecei o vídeo homenageando aquele que no passado, pautou seu futuro na minha evolução e aprendizado.

Parabéns sou grato e privilegiado por isso.

Não pude deixar de falar da luta que ha meses estou travando com minha coluna. E também alertar aqueles que como eu, na necessidade, precisam buscar ajuda médica para superar.

Esses cinco últimos meses tem sido doloridos. Porém não falsos.

Sentir dor, conviver e trabalhar com ela não tem sido fácil, porém é possível para aqueles que, determinados, não se rendem.

Ainda que isso passe a ideia que não é muito, ou que não seja importante, manter o equilíbrio faz parte do pacote da vida.

Saber decidir, enfrentar, reconhecer a situação para manter ou mudar o caminho são situações que enfrentamos no cotidiano e nem sempre percebemos o quanto é importante.

Pois é. Vivendo e aprendendo.

Enquanto isso, Feliz Dia dos Pais. Curioso é que essa dor também faz lembrar o amor que tenho por ele, família e amigos que nessa vida soube cultivar.

Bom domingo.