Solidariedade em tempos de coronavirus… fazendo a minha parte e protegendo meus pais.

Estou ha alguns dias sem ver meus pais. Sinto falta dos abraços, dos bjs, das conversas tete-a-tete, do que entendia por vida normal.

Isso não volta tão cedo, e não virá nos próximos dias. Qual a solução? Ajudar, ainda que de longe.

Aproveitando a vocação para fazer obra e consertar coisas, levei o carro para a revisão. Ficou pronto no mesmo dia. Não é que ainda achei graça e divertido.